Cirurgia de Vulva – Vulvectomias

A vulva pode ser sítio de várias doenças, desde lesões precursoras de câncer até o câncer propriamente dito. Em geral o ginecologista ao visualizaer uma alteração suspeita de câncer na vulva realiza a biópsia deum pequeno fragmento ou encaminha para o oncologista realiza-lo. Com o resultado desta biópsia é possível direcionarmos um tratamento. Para lesões préneoplasicas temos desde imunomoduladores em creme, laser terapia até a cirurgia para ressecção da lesão. Atualmente tentamos ser o mais conservador possível realizando a excisão ampla quando se trata de câncer, e quando necessário a vulvectomia radical. O cirurgião juntamente com a paciente e avaliação local da extensão da doença irão definir pela retirada total da vulva (vulvectomia) ou parte dela (excisao ampla). Procedimento que pode ser realizado em regime de hospital dia, mas que tem uma chance maior que das outras cirurgias ginecológicas de ter abertura dos pontos no pós-operatório, mas que em geral evoluem com cicatrização expontânea sem maiores repercussões.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *