Cirurgia Conservadora da Mama

São conhecidas como cirurgias conservadoras de mama toda a cirurgia de tratamento de câncer de mama que mantenha a maior parte tecidual da mama. As margens teciduais de tecido não acometido pelo câncer que circulam uma lesão ressecada devem estar livres e não necessariamente necessitam de uma ampliação do tipo quanto mais melhor, pois se pensarmos assim faríamos mastectomia para todos os casos de câncer de mama.

Hoje sabemos com trabalhos extensos com seguimento maior que 20 anos de um número grande de pacientes que cirurgias conservadoras bem indicadas e complementadas com radioterapia e outro tratamento adjuvante quando necessário dão a mesma chance de cura que a mastectomia. Assim, dou preferência a cirurgia conservadora por entender que nem a melhor reconstrução é melhor que a presença da mama natural da paciente. Dependendo da proporção do volume ressecado e volume residual, podemos ter um bom resultado estético desde cirurgia simples ou às vezes necessitamos de retalho glandular com oncoplastias e até lipoenxertia para encobrir um defeito. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *