Colpocitologia – Preventivo do Câncer de Colo Uterino e Exame do HPV

Este exame consiste em um raspado do colo de útero (extremidade do útero aparente no fundo da vagina) e possui como objetivo diagnosticar lesões pré-neoplásicas, ou seja, que ainda não são câncer, mas possuem potencial para progredirem e virem a ser, de acordo com sua classificação.

No Brasil, conforme o Ministério da Saúde, a orientação é que esse exame seja iniciado em todas as mulheres após os 25 anos que já tiveram relação sexual. A regularidade na realização desse exame deve ser anual, enquanto a paciente obter resultado normal no exame. Quando houver uma alteração no resultado do exame, é indicado que o próximo passo deva ser feito pelo profissional que se dedica a patologia do colo uterino (prevenção e tratamento do câncer ginecológico). Existe também a coleta do preventivo em meio líquido, que tem como vantagem a possibilidade de pesquisar a presença do Papiloma Vírus Humano (HPV). Como desvantagem, temos o custo alto e o aumento de detecção de alterações de baixo grau que geram ansiedade e necessidade de outro exame e que, normalmente em pessoas imunocompetentes, regride naturalmente com o tempo sem a necessidade de tratamento.

O Dr Marcelo Biasi Cavalcanti é oncoginecologista e busca estar atualizado para interpretar e orientar a melhor conduta nas alterações apresentadas no preventivo do colo uterino – colpocitologia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *